Como fazer seguro de carga para autônomo e proteger o patrimônio?

26 de março de 2020

Seguro Transportes

Muitos motoristas de veículos particulares de frete têm dúvidas sobre como fazer seguro de carga para autônomo. Vamos tentar mostrar de forma simples, clara e direta como funciona essa modalidade de seguro, para você poder agir de acordo com o que manda a lei e, ao mesmo tempo, proteger suas finanças.

O RCTR-C, Seguro de Responsabilidade Civil do Transportador é uma modalidade de proteção obrigatória para quem transporta cargas. Isso inclui empresas de transporte e proprietários de veículos de carga que trabalham de forma autônoma.

Portanto, o primeiro ponto a ser esclarecido é que o RCTR-C é um seguro obrigatório para todas as empresas Transportadoras de Carga. O outro ponto diz respeito à finalidade dessa proteção.

Sempre que você embarca uma carga, ela está sujeita a danos decorrentes de acidentes envolvendo o veículo em que ela é transportada. O RCTR-C assegura que sua Transportadora será ressarcido no caso desses danos ocorrerem e você precisar indenizar, total ou parcialmente, o proprietário da carga.

Dúvidas sobre o seguro de carga para autônomo

O problema é que uma operação de logística de transporte de volumes envolve uma série de riscos, o que leva os motoristas autônomos a terem algumas dúvidas, que são plenamente procedentes.

Existe um seguro, que é obrigatório para o proprietário da mercadoria, seja ele o emissor ou o destinatário, que é o seguro de transporte nacional, que prevê indenização, parcial ou total, por parte da seguradora, em caso de danos à mercadoria em qualquer fase do processo até a recepção da carga, seja acidentes ou roubo e furto com a carga.

Há uma terceira modalidade de seguro envolvida, que é o seguro do caminhão, que inclui a responsabilidade civil, o que pode causar confusão.

A diferença é que a cobertura de responsabilidade civil no seguro do caminhão cobre apenas danos materiais ou corporais causados a terceiros, o que não inclui a carga transportada.

Portanto, ao contratar o seguro para o seu caminhão, isso não inclui a cobertura de RCTR-C, que é uma modalidade específica de seguro para proteger o transportador de prejuízos financeiros decorrentes do pagamento de indenizações ao proprietário da carga em caso de danos provocados a carga.

Existe, ainda, uma quarta modalidade, não obrigatória, que é o Seguro de Responsabilidade Civil Facultativa Desvio de Carga, conhecida como RCF-DC, que nada mais é o seguro que somente as Transportadoras podem contratar parar cobrir roubo de mercadoria.

Como fazer o seguro de carga para autônomo?

Fazer o seguro de carga para autônomo é um processo semelhante ao de outras modalidades de seguro.

Uma vez que o motorista feche o contrato para a prestação do serviço, ele deve procurar sua corretora de seguros para que seja feita a apólice de RCTR-C que o seguro obrigatório de acidentes com a carga (capotamento, colisão, abalroamento, tombamento e etc.)

O preço do seguro será determinado de acordo com o valor e tipo de carga transportada. A cobertura terá validade desde o momento em que o transportador recebe a carga até aquele em que é entregue ao destinatário.

Esperamos que o artigo tenha sido útil. Sugerimos, para aprimorar seu conhecimento, que você assista a este vídeo sobre o tema.

 

 


Deixe um Comentário



WhatsApp WhatsApp