A Importância de ter um Seguro Automóvel

21 de dezembro de 2016

Seguro Auto

Na hora de comprar um seguro automóvel, mais do que o valor, o importante é considerar os detalhes e vantagens que seu plano oferece. Muitas pessoas trocam de corretora por pouca diferença, sem ao menos avaliar se o que estão ganhando ou perdendo, compensam a economia.

Por exemplo, da mesma forma que ao escolher um aparelho de televisão, a pessoa pesquisa e escolhe o melhor custo benefício, com o seguro auto é igual. É importante saber quais as coberturas, se estão adequadas às suas necessidades individuais, para onde pode ligar e como proceder em caso de necessidade, entre outras questões.

Mais do que tudo, você está preservando seu patrimônio. Seguro de carro não é um custo, é uma proteção. Roubo ou acidentes podem acontecer com qualquer um e a qualquer momento. Saindo da concessionária para a rua, seu carro já está em risco.

Não é aconselhável comprar um carro, se o seguro não couber no bolso. Ao pensar em fazer um seguro de automóveis, o proprietário precisa avaliar qual a importância desse bem em sua vida. No caso do carro ser essencial para o trabalho, não contratar o seguro de carro pode ser uma péssima ideia. Quem escolhe abrir mão do seguro do carro, deve avaliar o risco eventual de uma perda repentina, de como ficaria sua rotina com a ausência do veículo, se estará preparado para repor por outro ou arcar com os custos de um reparo. Deve considerar essas questões e manter uma reserva para gastos de emergências.

Para Karina Aguiar, que usa o carro para trabalhar todos os dias, o seguro auto é fundamental. Em caso de roubo ou acidente, não teria caixa para comprar outro em seguida, e os benefícios oferecidos pela seguradora valem muito a pena. Seu seguro automotivo cobre roubo, acidente, incêndio, enchente e danos a terceiros. E ainda oferece assistência mecânica 24 horas, troca de pneus, guincho, chaveiro, carro reserva por 7 dias, seguro de vida e assistência residencial com eletricista, encanador e chaveiro. Tudo por um valor justo e proporcional ao risco, já que ela não pode ficar sem o carro nenhum dia.

Segundo levantamento, foram roubados 27 mil carros em 2016. São 9 automóveis por hora, só na cidade de São Paulo. Desse total, a polícia recuperou somente 11 mil. O restante desapareceu. A suspeita é que esses veículos tenham sido levados para desmanches. As quadrilhas especializadas em roubos de carros e cargas descobriram um novo recurso para praticar seus crimes. Através de um aparelho conhecido como Capetinha, bloqueiam os rastreadores de veículos via satélite e também de celulares, ficando livres para roubar os veículos tranquilamente.

Além do risco de roubo, outro problema são as batidas. Alguns carros possuem peças com valores bem altos, encarecendo bastante o conserto ou reposição. Nesses casos, o seguro autocompensa pela proteção contra colisão. O proprietário pensa que, apenas colocando um rastreador no carro, ele estará protegido, mas além dos aparelhos que bloqueiam os sinais via satélite, há os prejuízos com eventuais acidentes, que podem sair muito mais caros que o valor do seguro do carro.

Outra questão é com danos causados a terceiros ou seguro de responsabilidade civil. O número de carros com seguro é muito menor do que o total de carros circulando na cidade. Considere a possibilidade de contratar o seguro contra terceiros, já que no trânsito podemos acidentalmente causar danos materiais a pessoas sem seguro em colisões.

O maior medo dos segurados é o de perder o dinheiro investido no automóvel.  Em vez de pensar que está simplesmente gastando dinheiro, encare a despesa como uma compra de tranquilidade. Adquirir um automóvel tem um peso grande no orçamento, considerando financiamento, combustível, estacionamento e manutenção. Com tanto investimento, não é aconselhável sair com seu patrimônio sem proteção adequada.

Outros serviços costumam ser oferecidos para quem adquire o seguro automóvel. Serviço de troca de pneus, motorista amigo, acompanhamento à delegacia em caso de acidente, além de serviços residenciais, descontos em estacionamentos, cinemas, teatros e restaurantes. Seu carro fica protegido e você ainda pode contar com uma série de vantagens.

Seguro de carro é algo que se compra para não usar. Geralmente, o que se paga é a sensação de tranquilidade, pois o medo de perder o dinheiro investido no automóvel é uma constante que tira o sono de muita gente. Além de toda a proteção contra acidentes que podem ocorrer, a seguradora pode trazer diversos serviços que facilitam a melhor resolução aos problemas.

Em ruas com tantos buracos, gente apressada e distraída e violência, não dá para arriscar, as chances de algum problema acontecer são grandes.


Deixe um Comentário



WhatsApp WhatsApp